Sim, há sítios bem mais bonitos, é um facto. Todos sabem que o tecido urbano português se apresenta como uma inextrincável sucessão de aberrações arquitectónicas, entre zonas de relativa coerência e alguns casos de excelsa elegância. Essa consciência leva-nos, pela inelutável força do hábito, a estar mentalmente preparados para conseguir assimilar todo o tipo de cenários. Tanto que são pouco frequentes, e sempre em escala reduzida, os casos de rebelião cívica contra os mais grosseiros entorses à paisagem moldada pelos portugueses. A maioria resignou-se a viver em locais descaracterizados. Por isso, e talvez por um reflexo subconsciente dessa realidade, passaram a ser imensamente valorizados pela opinião pública os locais com qualidade urbanística associados a uma memória histórica. Então, perguntamos, para que geografia mental nos remete esta fotografia? Um qualquer subúrbio mal amanhado de Lisboa? Será na Amadora, em Odivelas,  na “linha de Sintra”, na Margem Sul? Não, esta ode à fealdade fica na Rua Bartolomeu Dias, a escassos metros do Centro Cultural de Belém e do Mosteiro dos Jerónimos. E é um cenário que pode ser visto pela janela do turístico eléctrico 15.
Texto e Fotografia: Samuel Alemão

Comentários

Deixe um comentário.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

O Corvo nasce da constatação de que cada vez se produz menos noticiário local. A crise da imprensa tem a ver com esse afastamento dos media relativamente às questões da cidadania quotidiana.

O Corvo pratica jornalismo independente e desvinculado de interesses particulares, sejam eles políticos, religiosos, comerciais ou de qualquer outro género.

Em paralelo, se as tecnologias cada vez mais o permitem, cada vez menos os cidadãos são chamados a pronunciar-se e a intervir na resolução dos problemas que enfrentam.

Gostaríamos de contar com a participação, o apoio e a crítica dos lisboetas que não se sentem indiferentes ao destino da sua cidade.

Samuel Alemão
s.alemao@ocorvo.pt
Director editorial e redacção

Daniel Toledo Monsonís
d.toledo@ocorvo.pt
Director executivo

Sofia Cristino
Redacção

Mário Cameira
Infografías 

Paula Ferreira
Fotografía

Margarita Cardoso de Meneses
Dep. comercial e produção

Catarina Lente
Dep. gráfico & website

Lucas Muller
Redes e análises

ERC: 126586
(Entidade Reguladora Para a Comunicação Social)

O Corvinho do Sítio de Lisboa, Lda
NIF: 514555475
Rua do Loreto, 13, 1º Dto. Lisboa
infocorvo@gmail.com

Fala conosco!

Faça aqui a sua pesquisa

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com