Lojas, escolas, cafés e diferentes espaços públicos serão o palco da sexta edição do Festival de Telheiras, que decorrerá entre os dias 4 e 10 de Maio, tendo como mote “reforçar o sentimento de comunidade”. A festa conta com mais de meia-centena de actividades, envolvendo mais de 20 entidades daquele bairro lisboeta situado a norte da Segunda Circular, do qual pretende evidenciar o ecletismo e o sentimento de pertença de quem nele vive e trabalha. Organizado pela Parceria Local de Telheiras, que agrega 25 instituições do bairro, tem como objectivo ser um ponto de encontro entre a população, as entidades e o comércio local.

 

“Workshops, exposições, sessões de cinema, concursos e muitos outros eventos organizados por várias instituições” são o que promete o colectivo de organizadores, do qual fazem parte, entre outros, a Associação Viver Telheiras, a Associação de Residentes de Telheiras e a Junta de Freguesia do Lumiar. Se bem que a programação seja diversa e se prolongue pela próxima semana, o fim-de-semana de encerramento (9 e 10 de Maio) constituir-se-á como o ponto alto do festival. Nesses dias, a festa concentra-se no Jardim Professor Francisco Caldeira Cabral, mesmo à saída do metro, “com animação de rua, concertos, dança, ilusionismo, exposições, actividades para pais e filhos, uma feira da tralha e uma mostra da rede Comércio de Telheiras”.

 

Programa: https://ocorvo.pt/wp-content/uploads/2015/05/programafestival.png

 

Texto: Samuel Alemão

 

Comentários

Deixe um comentário.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

O Corvo nasce da constatação de que cada vez se produz menos noticiário local. A crise da imprensa tem a ver com esse afastamento dos media relativamente às questões da cidadania quotidiana.

O Corvo pratica jornalismo independente e desvinculado de interesses particulares, sejam eles políticos, religiosos, comerciais ou de qualquer outro género.

Em paralelo, se as tecnologias cada vez mais o permitem, cada vez menos os cidadãos são chamados a pronunciar-se e a intervir na resolução dos problemas que enfrentam.

Gostaríamos de contar com a participação, o apoio e a crítica dos lisboetas que não se sentem indiferentes ao destino da sua cidade.

Samuel Alemão
s.alemao@ocorvo.pt
Director editorial e redacção

Daniel Toledo Monsonís
d.toledo@ocorvo.pt
Director executivo

Sofia Cristino
Redacção

Mário Cameira
Infografías 

Paula Ferreira
Fotografía

Margarita Cardoso de Meneses
Dep. comercial e produção

Catarina Lente
Dep. gráfico & website

Lucas Muller
Redes e análises

ERC: 126586
(Entidade Reguladora Para a Comunicação Social)

O Corvinho do Sítio de Lisboa, Lda
NIF: 514555475
Rua do Loreto, 13, 1º Dto. Lisboa
infocorvo@gmail.com

Fala conosco!

Faça aqui a sua pesquisa

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com