O contrato para a manutenção dos semáforos da capital, estabelecido pela Câmara Municipal de Lisboa com a empresa Siemens, não tem, até agora, dado bons resultados. Continua a haver avarias na sinalização luminosa, em várias zonas da cidade, o que levou, esta quarta-feira, António Costa a dar a indicação de que o mesmo poderá vir a ser rescindido.

“Devemos tirar as consequências”, avisou o presidente da câmara, admitindo existir actualmente alguma incapacidade da Siemens para tomar conta da manutenção dos semáforos. “Sei que há problemas de material, que a Siemens diz que não dispõe. Mas quem concorreu, concorreu e devia saber, na altura, de que material precisava” para honrar o contrato, acrescentou Costa.

O autarca, que tutela o pelouro da mobilidade urbana, respondia à questão colocada pelo vereador social-democrata António Prôa, que, pela segunda vez, no espaço de um mês, referiu em sessões do executivo os problemas verificados com semáforos em diversas zonas da cidade e questionou o presidente da câmara a este respeito.

“Os problemas com a semaforização mantêm-se e, um mês passado sobre a primeira intervenção que aqui fiz, não se fizeram as correcções necessárias em diversas zonas da cidade”, disse António Prôa, que citou alguns exemplos onde os sinais continuam a dar mostras de não estarem a funcionar bem: Praça de Londres, esquina da Rua das Pretas com a Rua de São José ou Avenida Fontes Pereira de Melo.

 

Texto: Fernanda Ribeiro

Deixe um comentário.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

O Corvo nasce da constatação de que cada vez se produz menos noticiário local. A crise da imprensa tem a ver com esse afastamento dos media relativamente às questões da cidadania quotidiana.

O Corvo pratica jornalismo independente e desvinculado de interesses particulares, sejam eles políticos, religiosos, comerciais ou de qualquer outro género.

Em paralelo, se as tecnologias cada vez mais o permitem, cada vez menos os cidadãos são chamados a pronunciar-se e a intervir na resolução dos problemas que enfrentam.

Gostaríamos de contar com a participação, o apoio e a crítica dos lisboetas que não se sentem indiferentes ao destino da sua cidade.

Samuel Alemão
s.alemao@ocorvo.pt
Director editorial e redacção

Daniel Toledo Monsonís
d.toledo@ocorvo.pt
Director executivo

Sofia Cristino
Redacção

Mário Cameira
Infografías 

Paula Ferreira
Fotografía

Margarita Cardoso de Meneses
Dep. comercial e produção

Catarina Lente
Dep. gráfico & website

Lucas Muller
Redes e análises

ERC: 126586
(Entidade Reguladora Para a Comunicação Social)

O Corvinho do Sítio de Lisboa, Lda
NIF: 514555475
Rua do Loreto, 13, 1º Dto. Lisboa
infocorvo@gmail.com

Fala conosco!

Faça aqui a sua pesquisa

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com