É um começo em grande, para compensar o atraso. Lisboa inaugura, neste fim-de-semana (12 e 13 de Setembro), a sua Pista Municipal de BMX, no Bairro da Boavista, em Benfica, com a realização do campeonato nacional de 2015 desta modalidade de ciclismo de cross. A nova infraestrutura, que vem colocar a capital portuguesa a par de outras cidades europeias, possui características técnicas que lhe tornam possível acolher eventos nacionais. O equipamento tem curvas em asfalto e um sistema de drenagem, permitindo a sua utilização praticamente todo o ano. “O traçado da pista é desafiante e acessível para os diferentes níveis de praticantes”, considera em comunicado a Federação Portuguesa de Ciclismo, que organiza a prova inaugural, em colaboração com a Associação de Ciclismo de Lisboa, a Câmara Municipal de Lisboa e a Junta de Freguesia de Benfica.

 

do-tricks-bmx-bikes-800x800

 

O BMX é uma modalidade de ciclismo de cross, inicialmente praticada na Califórnia dos anos 1970 e que se foi tornando muito popular a nível mundial, sobretudo na década seguinte. Por essa altura, já existiam bicicletas desenhadas para a sua prática, a qual passou a ser essencialmente urbana e muito centrada na vertente estilo livre (freestyle), em que os executantes fazem uma série de movimentos que exigem grande perícia. Tal como os skaters, os praticantes de BMX costumam apropriar-se do espaço da cidade e das suas barreiras físicas para aí demonstrarem as suas qualidades técnicas – muitas vezes, ambos partilham os mesmos espaços. Desde 2008, em Pequim, tornou-se uma modalidade olímpica. As actividades deste fim-de-semana começam às 15h de sábado. A inauguração da pista acontece uma hora depois, decorrendo a competição oficial de BMX depois disso e também no dia seguinte.

 

* Texto actualizado às 12h47 de 11 de Setembro. Apresenta novo horário para a inauguração da pista.

 

Texto: Samuel Alemão

 

Comentários
  • Tuga News
    Responder

    [O Corvo] Primeira pista de BMX de Lisboa abre ao público no Bairro da Boavista, em Benfica http://t.co/i5uyPnh0Yq

Deixe um comentário.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

O Corvo nasce da constatação de que cada vez se produz menos noticiário local. A crise da imprensa tem a ver com esse afastamento dos media relativamente às questões da cidadania quotidiana.

O Corvo pratica jornalismo independente e desvinculado de interesses particulares, sejam eles políticos, religiosos, comerciais ou de qualquer outro género.

Em paralelo, se as tecnologias cada vez mais o permitem, cada vez menos os cidadãos são chamados a pronunciar-se e a intervir na resolução dos problemas que enfrentam.

Gostaríamos de contar com a participação, o apoio e a crítica dos lisboetas que não se sentem indiferentes ao destino da sua cidade.

Samuel Alemão
s.alemao@ocorvo.pt
Director editorial e redacção

Daniel Toledo Monsonís
d.toledo@ocorvo.pt
Director executivo

Sofia Cristino
Redacção

Mário Cameira
Infografías 

Paula Ferreira
Fotografía

Margarita Cardoso de Meneses
Dep. comercial e produção

Catarina Lente
Dep. gráfico & website

Lucas Muller
Redes e análises

ERC: 126586
(Entidade Reguladora Para a Comunicação Social)

O Corvinho do Sítio de Lisboa, Lda
NIF: 514555475
Rua do Loreto, 13, 1º Dto. Lisboa
infocorvo@gmail.com

Fala conosco!

Faça aqui a sua pesquisa

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com