Lançada petição online contra o novo restaurante da McDonald’s no Chiado

ACTUALIDADE
Samuel Alemão

Texto

URBANISMO

Santa Maria Maior

15 Março, 2016


Depois de se ficar a saber que o espaço onde, no número 4 do Largo do Chiado, durante décadas, funcionou a Barbearia Campos iria dar lugar a mais um restaurante da rede de fast food McDonald’s, começaram a fazer-se ouvir as vozes críticas. E são em número crescente. Uma petição online, dirigida à Câmara Municipal de Lisboa e à Assembleia da República, contra a abertura da loja foi lançada por um cidadão, na passada sexta-feira (11 de março), sob o mote “NÃO A MAIS UM MCDONALDS!” e com a meta de chegar às 10 mil assinaturas. Ao final da tarde de ontem, quatro dias depois, havia reunido o apoio de 1.211 pessoas.

* Nota Redactorial: Texto editado às 18h15 de 15 de Março. Acrescenta último parágrafo, clarificando situação da Barbearia Campos.

“A McDonalds vai instalar um restaurante no coração do Chiado. Qual a necessidade de três restaurantes McDonalds num raio de 300 metros? Qual a necessidade de mais uma hamburgueria na cidade? Qual a necessidade de perpetuar um modelo de negócios ostracizante para a cultura e negócios locais? Qual a necessidade de conspurcar a mais antiga e tradicional barbearia de Lisboa com a presença de um dos exemplos mais expressivos do excesso de exploração capitalista? A resposta para estas perguntas é nenhuma”, diz o texto da petição.

Seguindo a linha geral das críticas feitas, na semana passada, pela empresária Catarina Portas, são também muitos os que deixam a sua indignação contra a abertura do estabelecimento, no espaço dedicado aos comentários da página onde se encontra a petição. Alguns salientam o facto de já existir um restaurante da cadeia norte-americana nos Armazéns do Chiado e outro no Rossio. “Já chega de substituir o que caracteriza uma cidade ou país por espaços idênticos em todo o mundo e de natureza duvidosa”, diz um dos comentários. “Só a ideia de querer construir um McDonald’s à frente do café A Brasileira já é uma ofensa. Tenham pelo menos pena de quem aprecia Lisboa, já que não têm respeito”, apela outro.

A Barbearia Campos, cuja actividade tem sido desenvolvida num outro espaço, na Rua do Loreto, nos últimos meses, deverá reabrir ao lado do McDonald’s, no prédio onde havia funcionado durante décadas e que foi, entretanto, reabilitado. Do anterior edifício, à excepção da fachada, nada sobrou. O espaço que vai ali funcionar será, portanto, uma réplica daquela loja histórica.

MAIS
ACTUALIDADE

COMENTÁRIOS

O Corvo nasce da constatação de que cada vez se produz menos noticiário local. A crise da imprensa tem a ver com esse afastamento dos media relativamente às questões da cidadania quotidiana.

O Corvo pratica jornalismo independente e desvinculado de interesses particulares, sejam eles políticos, religiosos, comerciais ou de qualquer outro género.

Em paralelo, se as tecnologias cada vez mais o permitem, cada vez menos os cidadãos são chamados a pronunciar-se e a intervir na resolução dos problemas que enfrentam.

Gostaríamos de contar com a participação, o apoio e a crítica dos lisboetas que não se sentem indiferentes ao destino da sua cidade.

Samuel Alemão
s.alemao@ocorvo.pt
Director editorial e redacção

Daniel Toledo Monsonís
d.toledo@ocorvo.pt
Director executivo

Sofia Cristino
Redacção

Mário Cameira
Infografias & Fotografia

Paula Ferreira
Fotografía

Catarina Lente
Dep. gráfico & website

Lucas Muller
Redes e análises

ERC: 126586
(Entidade Reguladora Para a Comunicação Social)

O Corvinho do Sítio de Lisboa, Lda
NIF: 514555475
Rua do Loreto, 13, 1º Dto. Lisboa
infocorvo@gmail.com

Fala conosco!

Faça aqui a sua pesquisa

Send this to a friend