Algumas são de uma simplicidade tão desarmante quanto a sua justa beleza. Outras denotam uma maior complexidade formal. As 120 imagens contidas em “Lisboa por Urban Sketchers”, colectânea que reúne os trabalhos de 45 desenhadores agora lançada pela editora Zest Books, contêm aquela rara propriedade de conseguir materializar em papel tanto as mais fugazes sensações como as mais entranhadas emoções resultantes da observação de um território citadino. Dos mais evidentes postais turísticos da capital portuguesa, passando por alguns locais centrais e emblemáticos, até aos territórios quase íntimos da urbe, sem esquecer alguns detalhes captados pela argúcia do olhar, há de tudo um pouco. Ecléticos nas escolhas das paisagens, mas certeiros no efeito alcançado.

 

Esta é, aliás, uma característica comum a este movimento internacional de desenhadores urbanos, os Urban Sketchers, que se tem vindo a afirmar na última década, juntando pessoas das mais diversas sensibilidades. “Mais do que desenhadores profissionais, os Urban Sketchers abrangem todas as pessoas que têm no desenho uma forma de ver e mostrar o mundo. Numa sociedade onde a imagem é tão importante, e onde a fotografia começa a perder o charme da autenticidade, o desenho, em particular o desenho de quem vive e experiencia os locais, torna-se numa das mais belas e humanas formas de conhecermos um espaço”, lê-se na badana deste álbum.

 

131

 

No caso, a capital portuguesa é território fértil em sugestões de imagens mentais a pedirem – ou quase a esbracejarem, dizemos nós – para serem vertidas para desenho. Se o eléctrico 28, a Sé de Lisboa ou elevador de Santa Justa são representações incontornáveis, já a Travessa do Pregoeiro, em Carnide, ou o cruzamento das avenidas João XXI com a de Roma, entre outras escolhas menos óbvias, surgem também como parte das geografias afectivas e gráficas forjadas nesta bela colecção, pautada pela leveza e pelo recato. E se é verdade que se poderia dizer que algumas escolhas seriam estereotipadas, por tão evidentes, a verdade é que cada ilustração ganha vida por ser uma leitura pessoal, num dado momento.

 

67

 

Como diz o preâmbulo: “As cidades são feitas de vivências e sensações, de percepções e sentimentos. Daí que seja impossível captar a essência de uma cidade numa fotografia perfeita. A imagem real, mesmo a três dimensões, não tem tanto de interpretação humana que permite sentir o modo como a arquitetura se forma em cor, e os sons em traços. Daí que o desenho, em particular o skecth, seja a forma ideal e humana de vermos uma cidade, neste caso Lisboa, pelos olhos de quem não só a conhece, mas a ama e vive”.

 

 Texto: Samuel Alemão

 

“Lisboa por Urban Sketchers”, vários autores

Editora: Zest Books

Páginas: 150

PVP: 12,5€

Mais informação: www.zestbooks.pt

                                  urbanskectchers-portugal.blogspot.pt

 93

 

99

104

19

49

63

 

79

 

Capa

 

Deixe um comentário.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

O Corvo nasce da constatação de que cada vez se produz menos noticiário local. A crise da imprensa tem a ver com esse afastamento dos media relativamente às questões da cidadania quotidiana.

O Corvo pratica jornalismo independente e desvinculado de interesses particulares, sejam eles políticos, religiosos, comerciais ou de qualquer outro género.

Em paralelo, se as tecnologias cada vez mais o permitem, cada vez menos os cidadãos são chamados a pronunciar-se e a intervir na resolução dos problemas que enfrentam.

Gostaríamos de contar com a participação, o apoio e a crítica dos lisboetas que não se sentem indiferentes ao destino da sua cidade.

Samuel Alemão
s.alemao@ocorvo.pt
Director editorial e redacção

Daniel Toledo Monsonís
d.toledo@ocorvo.pt
Director executivo

Sofia Cristino
Redacção

Mário Cameira
Infografías 

Paula Ferreira
Fotografía

Margarita Cardoso de Meneses
Dep. comercial e produção

Catarina Lente
Dep. gráfico & website

Lucas Muller
Redes e análises

ERC: 126586
(Entidade Reguladora Para a Comunicação Social)

O Corvinho do Sítio de Lisboa, Lda
NIF: 514555475
Rua do Loreto, 13, 1º Dto. Lisboa
infocorvo@gmail.com

Fala conosco!

Faça aqui a sua pesquisa

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com