Hemeroteca Municipal de Lisboa reabre em novas instalações nas Laranjeiras

por • 6 Julho, 2015 • Actualidade, Segunda ChamadaComentários (4)1504

Depois de quase dois anos encerrada, a Hemeroteca Municipal de Lisboa reabre as suas portas, ao final da tarde (18h30) desta segunda-feira (6 de Julho), em novas instalações, no 21 B da Rua Lúcio de Azevedo, nas Laranjeiras, na freguesia de São Domingos de Benfica. A mudança para esta zona da cidade, após o funcionamento de quatro décadas no muito central Palácio dos Condes de Tomar, na Rua de São Pedro de Alcântara, no Bairro Alto, deverá ter um carácter temporário. Isto porque o equipamento cultural de consulta, arquivo e estudo de publicações periódicas deverá, num período ainda não determinado, transitar para o Complexo Desportivo da Lapa.

 

A nova morada da Hemeroteca Municipal de Lisboa – equipamento muito utilizado por estudantes, investigadores, jornalistas e cidadãos interessados – será, de acordo com a Câmara Municipal de Lisboa (CML), “um espaço que visa assegurar as funções nucleares da Hemeroteca, com destaque para a consulta, imediata ou mediante requisição, da coleção em catálogo”. A hemeroteca é “valorizada por uma coleção especializada de monografias em comunicação social, wi-fi gratuito, postos de acesso à Internet, zona de leitura informal, atividades culturais e de promoção das literacias, e sala para grupos mediante reserva”, acrescenta a autarquia – que salienta o facto de “assegurar o acesso aos serviços transversais da Rede de Bibliotecas de Lisboa, designadamente o empréstimo intrabibliotecas”.

 

Quando, em Setembro de 2013, fechou portas na Rua de São Pedro de Alcântara – onde se instalara em 1973 -, a Hemeroteca Municipal de Lisboa vivia, já há muito tempo, em condição provisória naquele local, o qual padecia de graves problemas estruturais. A mudança para outras instalações era prometida há mais de uma década. Quando a hemeroteca, fundada em 1931, fechou portas, a CML prometia a mudança para o Complexo Municipal da Lapa, em 2014, depois de realizadas obras de adaptação. O que acabou por não acontecer. Entretanto, o Palácio dos Condes de Tomar foi vendido à Santa Casa da Misericórdia de Lisboa, para ali instalar a revista jesuíta Brotéria. A notícia da abertura da hemeroteca nas instalações das Laranjeiras foi avançada pelo Corvo, em Outubro de 2014.

 

Texto: Samuel Alemão

 

* Texto rectificado às 12h25 de 6 de Julho. Clarifica local para onde estava prevista a transferência da hemeroteca: Complexo Desportivo da Lapa. 

 

Pin It

Textos Relacionados

4 Responses to Hemeroteca Municipal de Lisboa reabre em novas instalações nas Laranjeiras

  1. Tuga News Tuga News diz:

    [O Corvo] Hemeroteca Municipal de Lisboa reabre em novas instalações nas Laranjeiras http://t.co/vGdc9EEWny

  2. Hemeroteca Municipal de Lisboa reabre em novas instalações nas Laranjeiras http://t.co/yPwltKCSM4

  3. Não era no complexo da lapa?